Notícia


História da Marca – Exposição de Vestuário Original de Macau II

Soul Tema: Alma   Apresentação da marca: Soul foi fundada em 2016, é uma marca de moda para as mulheres. Adopta o preto e branco como as princioais cores. Utilizando os materiais de alta qualidade, o feitio meticuloso e a corte de maneira 3D para criar o estilo assimétrico, a marca apresenta uma personalidade distinta e um estilo moderno de mulheres. Em simultâneo com a acentuação de intelegência criativa e o encanto individual de mulheres, mantém-se a qualidade e comodidade para as suas clientes.   Conceito de design: A Alma é o tema desta colecção, direcionada a mulheres entre 20 e 40 anos. É uma colagem de jovens que vão atrás de assertividade, encontrando uma maneira de viver como o si verdadeiro, e abraçando o charme feminino, liberando assim uma pegada real. As experiências acumuladas transformam-se em uma visão nova, olhando-se a vida numa perspectiva totalmente nova. Vivemos num mundo caleidoscópico e numa vida com abundância material. Na sua viagem de vida, os habitantes de cidade que possuem tantas escolhas e coisas fáceis de fazer, frequentemente negligenciam enriquecer as suas mentes. A marca, portanto, decide reinterpretar preto e branco através desta exposição, sobrepondo as cores em corte 3D e elementos assimétricos para expressar o desejo de algo diferente e de um coração enriquecido das jovens mulheres urbanas.   Worker Playground Tema: Garagem de Recreio dos Operários   Apresentação da marca: Worker Playground foi fundada em 2010, é uma marca de vestuário que representa a cultura das ruas de Macau. O nome e o conceito da marca têm a origem do antigo Campo dos Operários de Macau. Através de nomeação, tenta recordar as memórias e os sentimentos colectivos de cidadãos de Macau. A marca tem o foco no vestuário de homem, utilizando variações de estilo clássico como principal design, acrescentando elementos de Macau, como a história da aviação de Macau, o festival rock-n-roll, os desportos especializados de Macau, pelota basca e hóquei, bem como o Grande Prémio de Macau, que são então astuciosamente escondidos nas roupas. Ao manifestar a cultura local, a marca visa localizar as roupas de estilo clássico, tornando-as num estilo que é diferente de que pode ser encontrado em outros lugares.   Conceito de design: A Worker Playground é uma marca de moda de Macau, adopta a história e a cultura locais como tema, através das quais, interpreta as histórias locais numa perspectiva de moda. A marca trabalhou…

2017.4.8-2017.6.4

História da Marca – Exposição de Vestuário Original de MacauI

A história de uma marca é a sua alma porque é o que lhe dá vida e identidade. Atrás da criação de cada peça, há sempre uma história comovente de como o designer meticulosamente evoca a ideia.Através de uma mancha de cor, um ponto de bainha, ou um acessório realçado, a história da marca permite que o público se mova e deixe hipnotizar por esta e não outras marcas, que se torne num fã leal, que se mergulhe na história e se sinta orgulhoso e tocado pelos actos corajosos do protagonista, elevando assim o carisma da marca.À medida que as indústrias culturais e criativas se continuam a desenvolver em Macau, surgiram muitas marcas de moda de diversos estilos de design criadas no território. Por isso, a Galeria de Moda de Macau decidiu organizar uma exposição intitulada “História da Marca – Exposição de Vestuário Original de Macau” para permitir que os pensamentos criativos integrados nas maravilhosas marcas de moda locais sejam apresentados ao público.   Através de uma recolha pública, o júri seleccionou seis marcas de moda locais para participar nesta exposição, incluindoMACON, JADE.L, Worker Playground, Soul, ZICS, e Salut ça va?. Os designers organizama sua própria área de exposição na Galeria de Moda de Macau, exibindo as suas colecções nas suas próprias disposições criativas.Ao integrar a criatividade na arte da moda e no design de espaço, os designers podem iluminar em pleno a imagem da sua marca e promover os seus caracteres distintivos.Cada marca adopta um conjunto de estilos e elementos diferentes, tais como a pintura à mão, os logotipos, as figuras de motocicleta, o minimalismo, as linhas e os elementos românticos para acompanhar a sua colecção, transformando o local de exposição num teatro onde se contam histórias e permitindo que o público saboreie o contexto de cada história.   A exposição será dividida em três edições, cada uma composta por duas marcas de moda. Na primeira edição temos a MACON, com o seu estilo artístico, jovem e casual e a JADE.L do estilo de género neutro e elegante. De seguida, na segunda ediçãotemosa Worker Playground com um estilo robusto e selvagem e a Soul, destacada pela roupa mais simples.A última edição contará com a estética em preto e branco da ZICS eo romantismo da Salutçava?. Haverá ainda um espaço de compra e venda onde se comercializa a roupa das marcas participantes na exposição.       História da Marca…

2017.1.14-3.26

“Transformação” – Exposição dos Trabalhos do Curso de Diploma em Design e Manufactura de Moda

Os aficionados de moda de todas as eras têm tendências diferentes no vestuário e no estilo popular. Ser capaz de possuir uma própria marca de design que é popular e de boa venda no mercardo, é o sonho de todos os designers. Em Macau, há muitos jovens talentos de criatividade, e todos eles têm paixão e aspiração na moda, esforçando a procurar o seu sonho.   O “Curso de Diploma em Design e Manufactura de Moda” é um programa de educação destacado organizado pelo CPTTM, e tem o objectivo de formar os talentos de design de moda e elevar o nível local de competência dessa indústria. O curso tem a duração de 18 meses, e abrange o design de vestuário, a técnica de ilustração de moda, o conhecimento e a língua sobre a utilização de tecidos, a técnica de costura e o marketing. É o primeiro passo para quem se dedica para se tornar num profissional na indústria de moda.   No ano lectivo de 2015/2016, há um total de 10 alunos que concluíram este curso. Eles alfaiataram, com as suas próprias mãos, a sua primeira colecção para a mostra de graduação. Para incentivar o grande esforço para a criatividade desses designers jovens e deixar o público apreciar as obras deles, a Galeria de Moda de Macau realizou especialmente a “Transformação – Exposição dos Trabalhos do Curso de Diploma em Design e Manufactura de Moda” para mostrar o resultado da primeira colecção desses 10 designers jovens.   Em total, 13 peças de obra dos 10 finalistas serão mostradas na exposição. Nas obras em mostra, incluem-se as do vencedor geral Celestino Maria Cordova que ganhou também o Prémio de Melhor Realização Acádemica, da vencedora de segundo lugar Yuna Leong que ganhou também o Prémio de Melhor Coordenação de Cores, e da vencedora de terceiro lugar Mickey Che que ganhou também o Grande Prémio de Moda. Os outros finalistas são Wind Mo, Jessica Lam, Jasmine Lai, Kary Cheng, Mini Tai, Sasa Sam, e Sleepy Ngan. Cada peça é uma obra de arte com um estilo distintivo de design e a sua própria caraterística. A inspiração das obras foi diversificada, a partir de cultura japonesa, música electrónica, a estrutura de edifício até a natureza. As técnicas utilizadas incluíram o corante índigo, os tecidos imprimidos digitais, a tipografia 3D, e muitos tecidos e elementos de design diferentes e mais actuais. Eles fizeram bom aproveitamento…

2016.10.7-2017.1.1

Moda‧Momento de Encontro ― Exposição dos Trabalhos do 3.º Programa de Subsídios à Criação de Amostras de Design de Moda

A Galeria de Moda de Macau apresenta especialmente “Moda‧Momento de Encontro ―Exposição dos Trabalhos do 3.º Programa de Subsídios à Criação de Amostras de Design de Moda” como a última exposição deste ano, para mostrar os trabalhos vencedores no Programa de Subsídios à Criação de Amostras de Design de Moda 2015 e compartilhar os resultados de criação de designers de moda locais.   Nesta vez, mostram-se as obras dos 8 designers (grupos) subsidiados, incluindo Cheang Chi Tat, Peng Yun, Tam Chi Kit, Cheong Kuan Peng e Wong Ha (grupo), Cheang Man Cheng, Leong Iok Pui, Lo Ka Heng e Choi Wai Leng (grupo) e David Siu. As obras subsidiadas são selecionadas e aprovadas pelo júri profissional através dos procedimentos rigorosos das análise inicial e segunda análise. Cada designer (grupo) mostra duas obras subsidiadas, incluindo respectivamente vestidos masculinos de moda, vestidos masculinos e femininos de lazer, vestidos femininos, vestidos femininos de moda, um total de 16 conjuntos.   O Instituto Cultural do Governo da RAEM, para promover o desenvolvimento da indústria de design de moda de Macau, tem lançado o Programa de Subsídios à Criação de Amostras de Design de Moda desde 2013, a fim de incentivar a investigação e a inovação de design de moda local, impulsionar os designers de moda a elaborar planos de mercado viáveis e completos, empurrar o desenvolvimento das actividades comerciais ou a participação nas actividades de exposição e venda de moda no país e no estrageiro, assim, aumentar o nível de reconhecimento e a competitividade no mercado, impulsionar o desenvolvimento da indústria de design de moda local.   Através desta exposição, além de divulgar o design de moda local ao público, também estabelecer uma plataforma de intercâmbio para os designers, promover mais possibilidades de cooperação, a fim de alargar o desenvolvimento da indústria de design de moda local.

2016.5.27-8.21

Casamento em Flores – Exposição de Vestidos de Noiva com Arte Floral da Moda de Macau

Nos últimos anos, com a expansão da indústria de casamentos em Macau, muitos casais procuram um casamento elegante e personalizado, que inclua vestidos de noiva com um design especial e executados por encomenda. O vestido de noiva é uma parte importante do casamento e as expectativas das noivas em relação aos vestidos de casamento são diferentes. Algumas preferem vestidos de princesa como nos contos de fadsa enquanto outras procuram vestidos elegantes.      Com o objectivo de mostrar ao público o vigor do talento das estilistas de vestidos de noiva de Macau, a Galeria de Moda de Macau convidou quatro excelentes estilistas de Macau para, em conjunto com a “Academia de Arranjos Florais de Macau”, apresentarem ao público a bela exposição “Casamento em Flores – Exposição de Vestidos de Noiva com Arte Floral da Moda de Macau”.      Participam na exposição de vestidos de noiva as quatro estilistas Stella Tang, Dora Un, Akina Lei e Chantelle Cheang sendo que cada uma apresenta dois vestidos de noiva que combinam as suas criações requintadas, num total de oito vestidos de noiva. Quer seja um deslumbrante vestido clássico, quer um modelo simples e elegante, cada uma usa de forma talentosa seda, rendas, entre outros materiais, para destacar o gracioso corpo das mulheres. Cada vestido de noiva feito à mão transmite a natureza das autoras. A concepção, a escolha de materiais, o corte, a costura, a prova do vestido, a selecção de acessórios e a produção são processos de busca da melhoria e da excelência, em que as estilistas se dedicam e se dedicam a criar vestidos de noiva. O mais importante é manifestar a história de amor subjacente ao casamento e o seu precioso significado.      Para mostrar da melhor forma a beleza imaculada dos vestidos de noiva, quadro estilistas da “Academia de Arranjos Florais de Macau”, Sara Iao, Howard Pang, Sio Kin Sang e Carla Chao criaram, especialmente para cada vestido, diversos acessórios florais com o objectivo de ornamentar os belos vestidos de noiva brancos, produzindo efeitos de complementaridade.